terça-feira, 26 de maio de 2009

Escândalo no DCE/UFPA

Através do link do Youtube, podemos ver a real situação que se encontra o maior orgão de representatividade dos Estudantes da maior Universidade do Estado do Pará.

Veja aqui do que estou falando!

Dia corrido!

- Hoje tive uma conversa com a ex-deputada Federal Ann Pontes, sobre os rumos do partido no Estado, a ex-deputada muito gentil escutou as nossas reivindicações atentamente e disse que esta a inteira disposição para debater com a Juventude. Ann é da Executiva do PMDB Mulher no Estado.

- Participei de uma reunião promovida pelo TRE que reuniu cerca de sete partidos para o fomento de políticas educacionais no que tange a formação política dos jovens de 16 a 18 anos. Fiz uma intervenção defendendo uma parceria entre o Tribunal e as Juventudes partidárias no sentido de organizar uma campanha para os jovens além de tirar os títulos de eleitor tenham palestras para o incentivo do mesmo a participar do processo político da sua escola, bairro, cidade e estado.

- Estive na UFPA pela parte da tarde onde conversei com companheiros que estão engajados na luta pela conquista do Diretório Central dos Estudantes da Universidade, lembrando que a Juventude do PMDB está participando do processo através da Chapa 1, denominada, ''Amanhã vai ser outro dia'', que faz oposição à atual gestão ligada ao PSOL/PSTU.

- Cheguei atrasado na aula e perdi um teste.. estudar pra próxima que vai valer 10 pra mim.. faz parte..

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Trabalhador


Aposentado deixa o Congresso após o adiamento da votação que derrubaria ou aprovaria o veto presidencial do reajuste de vencimentos e pensões dos inativos.
Como foi – Passei a manhã da quarta-feira passada cobrindo a sessão de apreciação de vetos e pude ver a torcida dos aposentados que ocupavam as galerias do plenário da Câmara. Mas os itens que tratam da questão foram retirados da pauta, jogando para depois a decisão final sobre o tema. Ao fim da sessão, fotografei esse senhor que envergava uma camiseta com palavras que rogam aos parlamentares a presença e o voto favorável à sua causa.
Fonte: Claudio Humberto

domingo, 17 de maio de 2009

Pé na estrada 2



Em Bragança fui recebido pelo companheiro Alcides Oliveira, presidente da JPMDB Municipal. De manhã participei da solenidade de entrega do Diploma da primeira turma formada no curso de Formação Política da JPMDB e do encontro que o núcleo organizou no mesmo ato, cerca de 400 pessoas estavam no Museu da Marujada para prestigiar o evento da Juventude. Almocei com o Prefeito de Bragança, o peemedebista, Edson Oliveira, onde conversamos sobre a isenção de PPJ’s na pauta da administração pública, o prefeito foi muito solicito as nossas reivindicações e mostrou o maior interesse em pautar um calendário para a juventude, principalmente no que tange a Juventude Rural, que no município é representada por cerca de 2.800 jovens. Pela parte da tarde me encontrei com a Executiva da JPMDB/Bragança, no Diretório Municipal, conversamos brevemente sobre algumas atividades e principalmente sobre o Encontro da JPMDB na Região Bragantina, que deve ter a participação de 10 municípios. Esteve presente neste dia o Prefeito Edson Oliveira,Deputada Simone Morgado,membros do Diretório Municipal e me acompanharam o 1ª Tesoureiro da JPMDB/Pará Kauê Maués e o nosso motorista e companheiro sempre divertido Manoel.


Pé na estrada 1

Agenda de muitos compromissos esse fim de semana, saí as 06h00min em ponto de Belém para o primeiro Roteiro da JPMDB/Pará pelo interior do Estado. Fomos em direção a Região Nordeste onde visitamos Castanhal,Colares e Bragança. As atividades,mobilizações e reuniões é o que pauta a caravana pelo Pará que estamos fazendo.
Em Colares e Castanhal participamos de reuniões com lideranças locais com o interesse de organizar o PMDB Jovem na região alem de discutir posições e estratégias a serem tomadas para o fomento de atividades juvenis enquanto partido.

quarta-feira, 13 de maio de 2009

Parsifal continua ativo!


Em recentes especulações, o nome do deputado Estadual Parsifal Pontes (Líder do PMDB na ALEPA) foi citado para concorrer a uma das vagas de conselheiro do TCE. Segue abaixo a resposta do deputado no Quinta emenda:

Tempo de Tempo Ser

O deputado estadual peemedebista Parsifal Pontes nega peremptoriamente que lute por uma vaga no TCE.Desculpe-me fazer esta intervenção algo intempestiva em uma postagem cujo objeto não é o assunto que trato.Após ler as manifestações no post “Marola”, gostaria de declarar que a notícia de que pretendo concorrer à vaga do TCE, que logo será objeto de apreciação na Assembléia, é absolutamente inverídica.Jamais imaginei sugerir tal possibilidade, nunca conversei com ninguém sobre ela e não pretendo montar qualquer equação neurológica que a possibilite.A explicação para a atitude é de ordem evidente: eu mesmo trabalhei na Assembléia para que esta rejeitasse apreciar qualquer indicado que não fosse um Deputado em pleno exercício do mandato, pois esta vaga a ser preenchida é de indicação exclusiva do Poder Legislativo.Quando fiz isto, ainda em 2008, afastei qualquer pretensão de vir a compor o pleito como candidato: eu sou um 1º suplente de Deputado que exerce o mandato não por vacância do titular, mas por licença do mesmo.Esta peculiaridade subtrai do mandato que temporariamente exerço, a legitimidade que eu reputo necessária para resultar no cenário que, como eu disse acima, ajudei a articular na Casa: sistematicamente eleger para Conselheiro do TCE um Deputado em pleno exercício do mandato.Tal decisão foi tomada desde as articulações da mais recente eleição da espécie, em 2008, quando a Assembléia enviou o ex-deputado e atual Conselheiro Cezar Colares ao TCM.Entendo que há tempo certo para cada propósito embaixo do céu – Eclesiastes – e este não é o meu tempo de pleitear o cargo.Obrigado,Parsifal Pontes


---------------------------------------------------------------------------------
Quem conhece os bastidores do PMDB sabe que Parsifal é um grande quadro do partido e que esta forte no projeto de reeleição para a ALEPA.

sábado, 9 de maio de 2009

Juventude em pauta!

A Câmara dos Deputados, através do seu colégio de líderes, retomou a pauta da reforma política, causa central para a juventude do Brasil tomar para si. Construir um regime democrático foi a grande contribuição das gerações anteriores. A da atual geração é aprimorar este regime para torná-lo produtor de uma nação de iguais. Leia Mais

sexta-feira, 8 de maio de 2009

Política e História



ACM: Castelo sofreu pressões para a cassar JK


Para ele, ministro Costa e Silva e governador Carlos Lacerda, que tinham aspirações políticas, influenciaram decisão do Presidente Para Antônio Carlos Magalhães, que viveu intensamente o cenário político nacional, o presidente Castelo Branco foi pressionado pelo seu ministro do Exército, general Costa e Silva e por Carlos Lacerda a cassar o ex-presidente Juscelino Kubistcheck que apoiara sua eleição pelo Congresso em 1964.
JK e ACM sempre mantiveram boas relações pessoais independente das posições políticas. Na foto confraternizam no Iate Clube em 1960.
“ O problema de Juscelino é um caso a parte. O Juscelino, na minha opinião, foi uma das fraquezas do Castelo. Ele tinha muitos e grandes méritos, mas também duas ou três fraquezas. Este episódio (a cassação de Juscelino) revelou uma delas.”
E aprofunda a revelação:
“Quem cassou o Juscelino foi o Lacerda, com o Costa e Silva. O Castelo não queria, mas aceitou a pressão do Costa e Silva. Ele não teve coragem de enfrentar e impedir. O Castelo tinha assumido um compromisso tácito com Juscelino de não cassá-lo, quando em abril, antes de sua eleição pelo Congresso, se reuniu com ele na casa do Joaquim Ramos, no mesmo dia em que se reuniu com Lacerda, na casa de Juracy Magalhães. Até então Castelo não conhecia pessoalmente Carlos Lacerda.
Neste dia, depois da reunião na casa de Juracy,ele foi encontrar-se com Juscelino e conversaram bastante. Aceitou, então, o voto de Juscelino e o apoio do PSD na eleição do Congresso, em troca da candidatura de Alkimin a vice-presidência. Isto ficou estabelecido naquele dia, na casa de Joaquim Ramos. Na rua Constante Ramos número 105, oitavo andar. É obvio que assim que ele se comprometeu a não cassar Juscelino, estava implícito o acordo, não é?
Desvendando tudo
“Castelo logo depois desse encontro me contou, diz Antônio Carlos Magalhães, que Juscelino deveria ter um encontro amoroso nesse dia, porque olhava muito para o relógio e passava o pente no cabelo...O fato é que Juscelino apoiou, votou e consequentemente, não teria cabimento ser cassado, pelo Castelo.”
Magalhães conta ainda em “Política e Paixão”, quando fez revelações políticas para vários jornalistas, Ancelmo Góis, Miriam Leitão, Marcelo Pontes, Rui Xavier e Maurício Dias que foi o primeiro a avisar Juscelino, mediante telefonema, recomendando também algumas providências que deveria tomar.
As relações pessoais de Antônio Carlos Magalhães e Juscelino vinham desde a época em que o Congresso estava no Rio e JK era o Presidente da República. Apesar de pertencer à UDN, que lhe movia forte oposição, Antônio Carlos Magalhães constituía uma exceção. Sua aproximação pessoal com o Presidente de então ia ao ponto de ter passagem livre no Palácio Laranjeiras e o telefone reservado e pessoal de Juscelino.

Por Carlos Fehlberg

Priante defende ruptura

"O PMDB deve deixar o Governo Ana Julia" com essa frase o blog Espaco Aberto descreve a entrevista com o Ex-deputado federal Jose Priante: Entrevista

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Reunião da Executiva Nacional

Dia 14 de Maio irá ocorrer a Reunião da Executiva Nacional da Juventude do PMDB em Brasilia.. Estaremos lá.

14ª Congresso da UMES


Nos dias 08 e 09 de Maio irá acontecer o 14ª Congresso da União Metropolitana dos Estudantes Secundaristas, na UEPA o encontro vai deliberar as diretrizes da entidade e devera ser escolhida a nova Diretoria da entidade.
Participei do congresso de reconstrução da entidade como Presidente do Grêmio Estudantil Prof.Clodomir Colino, fui eleito Diretor da mesma em 2004 e este ano irei participar como convidado da mesa de debates sobre conjuntura Nacional e Estadual.

“UMES, UMES, UMES COM Ação E ATITUDE”

quarta-feira, 6 de maio de 2009

DCE UFPA

O Movimento para as eleições do DCE-UFPA esta bem agitado. A Juventude do PMDB constroi a tese ''Amanhã vai ser outro dia" junto com outras forças independentes poli'ticas da Universidade.

segunda-feira, 4 de maio de 2009

"Ser feliz é encontrar força no perdão,
esperança nas batalhas,
segurança no palco do medo,
amôr nos desencontros.
É agradecer a Deus a cada minuto
pelo milagre da vida."

(FERNANDO PESSOA)