quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Mario Vargas é Nobel da Literatura

escritor peruano Mario Vargas Llosa ganhou nesta quinta o Prêmio Nobel de Literatura 2010 por sua "cartografia das estruturas de poder e suas imagens vigorosas sobre a resistência, revolta e derrota individual", justificou a real Academia sueca. (Leia +)

Eleições II

Governo do Pará: Creio que o maior erro foi à famosa polarização entre PT x PSDB, faltou um debate propositivo a cerca dos problemas do nosso Estado, ficamos naquele velho “lengalenga” de acusações e pragmatismo exacerbado, Ana Júlia se saiu razoável nos debates (principalmente comprando-há á quatro anos atrás), porem, seu programa de Televisão deixou muito a desejar, além desse fator, podemos observar que a militância petista não foi para as ruas, não se viu movimento para tentar reverter o quadro. O Ex-governador Simão Jatene por sua vez, fez uma campanha muito boa na televisão e conseguiu manter uma agenda firme no interior, principalmente no Nordeste do Estado, onde os tucanos concentram a maior força, seu erro de campanha foram os debates, Jatene se mostrou robótico e parecia estar incorporando um personagem. Juvenil iniciou a campanha em um ritmo excelente, fez o debate da terceira via porem, a disputa já iniciou polarizada entre tucanos e petistas.

Eleições I

Faz algum tempo que não posto no blog, com a correria de campanha acabei sem tempo para o espaço, a minha avaliação da campanha é dividida em quatro vertentes, vamos lá.
Presidência: A campanha de Dilma empolgou, no inicio, ofuscou as demais candidaturas com o bem feito programa de televisão, porem, o Tucanato em conjunto com o forte poder da mídia conseguiu ferir a sua imagem junto aos evangélicos (No congresso do PT foi aprovada uma resolução favorável ao aborto) e no caso Erenice, que creio que foram fundamentais para a migração dos votos para a candidata do PV, Marina Silva. Falando nela, a militante Verde deu um show na reta final, fez um debate propositivo sobre a sustentabilidade e conquistou a grande maioria dos votos da classe A e B, acho que se tivéssemos mais duas semanas de campanha ela ultrapassaria José Serra, o ex-governador não consegue empolgar, seu ar é muito professoral, não consegue falar a língua da população mais carente, que é grande maioria no Brasil.
--
Meu palpite é que Marina Silva irá liberar seus eleitores e não vai tender para nenhum lado, assim mantém a sua coerência e o voto dos formadores de opinião.